terça-feira, 10 de agosto de 2010

Todos os Dias...

Andando perdido em meus pensamentos.
Ignoro as pessoas que me cercam.
Me acostumei com semblantes, cinzas e opacos.
O mundo para vejo algo que me encanta.
Como um fonte de água, em um deserto.
Crianças correndo em um pátio qualquer.
Correm ao som de risinhos esganados.
Correm como se a vida fosse a eterna brincadeira.
Seu problema é descobrir onde esta o coleguinha.
Sonho de mergulho em uma piscina de guloseimas.
Assim eles escolhem viver, por que seu amanhã não existe.
O ônibus se vai, mas o momento ficou gravado em mim.

1 comentários:

Shirley disse...

E assim vivemos...devaneando sobre um futuro tão magestoso...como as lembranças duvidosas de nossa remota infância!!!Adoro vc!!!Perfeito texto!!

Postar um comentário

  ©. - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo